quarta-feira, 11 de junho de 2008

Mais um Mundo


Entro no meu quarto, ligo o monitor do meu já ligado computador, carrego no play, e a musica começa a passear pelo meu quarto.

Não oiço nada
Nem um suspiro
Na noite cerrada
No meio do perigo


É verdade estou eu na minha solidão e os meu pensamentos divagam mais uma vez, penso em ti, penso em como poderia ser, penso em como é, sinto me perdido de facto, mas com um pequeno sorriso nos lábios só de pensar no teu maravilhoso sorriso


São raras as vezes
Que me sinto perdido
Procuro um norte
Mas ele está escondido


É verdade, como as musicas são fantásticas são mesmo retratos de sentimentos , bem procuro, mas não dou com o meu objectivo, cada caminho parece mais longo que o anterior, sendo o primeiro caminho já inalcançável.

Bato a mil portas
Procuro mil caminhos
As soluções são poucas
E são muitos os espinhos


Esta musica entra suavemente no meu ouvido, não deixo de pensar em ti, por muito que tente nada me parece a maneira correcta de se fazer, penso em estratégias, nada me parece correcto, penso em maneiras de te ver mas nenhuma destas é infalível.

Não tenho respostas
Não tenho palpites
Só queria saber
Se ainda existes


Porque se assim o for, só dou graças a Deus por ter criado ser tão fantástico como tu, não sei onde estás, não sei com quem estás, mas no fundo sei que existes, e que o brilho do teu olhar ilumina este mundo.

Eu não encontro outra forma
De te encontrar
Deves estar perdida ou escondida
Pra eu não te achar
Talvez um dia
Consiga alcançar


Esta musica faz me pensar, ter esperança, lutar, para não desistir dessa batalha que eu penso já ter perdido...

Não oiço nada
Nem um suspiro
Na noite cerrada
No meio do perigo


Será que estarás bem? o meu desejo neste momento seria estar te a proteger de tudo e todos, mas não consigo, não estas cá e eu não estou ai, o mundo parece parado, não sei mesmo como o faça voltar a rodar, e para mim penso e peço-te : "Põe o meu mundo a rodar!"

Voltas e voltas
Desconhecido
Seguindo as pegadas
Eu vou ter contigo


Abandonando tudo, deixando tudo, procuro por o meu mundo a rodar...

A musica acabou, outra começou, outro mundo de sentimentos nasceu, mas isso fica para outra altura....


Musica:

Marco Medeiros - Sem Rasto


P.S Fiz umas alterações nas cores dos blogue,estava farto de cores tão pesadas, devo admitir que não estou totalmente convencido, dai não ter perdido muito tempo com o banner, espero que gostem, e agradecia a vossa opinião!! obrigado

8 comentários:

Frankie disse...

ADOREI *_*

Tudo: o texto e o novo look! Está lindo, maninho!

Beijinho enooooooooorme*

Raquel disse...

Hás-de encontrá-la, um dia... ;)

Natiih disse...

Ameeei o bloog!!

biazinha disse...

Ricardito:
A música nos traz lembranças,cheiros, tatos que já nos percorreram. Música é referência de momentos passados, do presente e da esperança que temos no futuro.
Gostei bastante das mudanças no teu bloguito e espero que esta mudança reflita no teu astral.
Beijocas.

biazinha disse...

Em tempo: foto belíssima!

kami disse...

Olá!

Eu adorei tudinho, a nova cara do blog ficou fantastica e acho que de vez enquanto cores mais leves soam mais harmonico....

Quanto ao texto tá lindo , transbordando sentimentos....
Sei, ou melhor acredito que um dia as coisas tendem a dar certo... mesmo que só por uma dia!
Acho que esse é o sentido de viver... a espera da realização!

Adorei tudinho!

Bjussss

Ricky Malfoy disse...

Frankie: Ainda bem que gostas-te, apesar de saber que so fazes isso para me ver feliz he he he ;) :P agora a serio obrigado pelo teu apoio.

Raquel: sim acredito que sim ;)

natiih : Muito Obrigado, sempre que quiseres aparecer estas a vontade ;)

Biazinha: és uma querida mesmo, concordo em tudo o que dizes, cada musica refere-se a um lugar, uma epoca ou mesmo um sentimento ;), obrigado pelos elogios...

Kami: Ainda bem que gostas te , porque apesar de tudo tambem gosto de agradar as pessoas que lêm os meus desabafos, obrigado por essa frase:"Sei, ou melhor acredito que um dia as coisas tendem a dar certo... mesmo que só por uma dia!
Acho que esse é o sentido de viver... a espera da realização!
" não imaginas a força que ela me da

BloodyGirl (Alexandra) disse...

As cores estão liiiiiiiiiiiiiindas! *.*
E o texto à Frankie (que só li agora) está tão ternurento (com a picadinha de pimenta que só tu sabes meter no meio do carinho).
Mas tal como diz a Raquel:um dias hás-de a encontrar! ;) Gook luck! ;)