terça-feira, 25 de dezembro de 2007

Um desejo de Natal!!


Adorava poder desejar qualquer coisa e te-la, sim eu sei, uma atitude de menino mimado, mas por vezes é inevitável desejar atingir o ceu, ou voar, ou mesmo a imortalidade, sim é normal desejar algo ainda por cima sendo o impossível.

É verdade, apesar deste natal ter sido generoso comigo, apesar de estar com a minha família, tudo estar bem, há um vazio em mim, hà coisas que já não estava habituado, sentimentos que deixaram de ser sentidos hà muito tempo, coisas que remoem dentro de nós e não as conseguimos resolver.

Sabem detesto não conseguir resolver o que quer que seja, detesto jogar um jogo que estou destinado a perder, detesto sentir que não vou conseguir o que quero.

As coisas são engraçadas, adoramos substituir problemas, um pelo outro, e este outro por outro, ate encontrarmos aquele que nós conseguimos resolver, eu quero sinceramente lutar, quero sinceramente não desistir mas por vezes só me apetece desaparecer do mundo, tipo sozinho num sitio inalcançavel.

Pensado melhor, detesto a solidão, não gosto dela, já não me conformo com a solidão como outrora, gostava de ser a pessoa insensível, intocável e imune que fui outrora, enfim, se calhar e mesmo assim, e estou a receber aquilo que realmente mereço, se calhar não sõu tão especial ou se calhar fui convencido, ou mesmo arrogante, não sei... e sinceramente, não estou com muita vontade de saber...

4 comentários:

El Despertar disse...

Gosto muito da foto. Ainda bem que não queres por fotos "para serem horríveis" aqui :P

Kiss Kiss

Raquel disse...

Excelentes ideias que foram expressas neste texto...como te entendo.
Aliás, nunca tinha lido nenhum texto que as expressasse tão bem.
Então com essa foto de matador, fica mesmo...a matar ;)

Beijo

Frankie disse...

Bem, mano... Sobre este texto vamos ter de falar bastante, já vi...

Mas, como estou na net de fugida, desta vez deixo-te apenas uma frase e vê se a metes bem na cabeça (se for preciso arranjo-te um caderninho de duas linhas para a escreveres 100 vezes): "Tu NÃO estás destinado a perder!"

Beijinho, mano*
Adoro-te

Jeust disse...

Não desesperes maluco... a vida é mesmo assim.

Não vale muito pensar nela.

Ela correrá do mesmo modo, ou tendencialmente pior se reflectirmos muito.

Deixa as ondas virem e irem... a tristeza vir e deixar... O sucesso... Os amigos... a solidão... tudo é passageiro neste mundo que corre.

Nâo te preocupes... :)

abraços